fim de semanaLisboa

Só eu e o mais velho *

Eu tinha de escrever sobre isto. Até porque um dia o Zé vai dar uma de mano-mais-velho-que-foi-sozinho-com-a-mãe e ela tem de perceber porquê! Ou então simplesmente porque tenho um certo remorso e preciso de lhe esclarecer isto. heheheIr de fim de semana com um filho e deixar o outro em casa? O que acham?Eu tinha o babyshower da minha prima em Lisboa, que não podia faltar de maneira nenhuma (ela é a minha amiga do 💗, minha comadre, minha cúmplice e conselheira) !! O Pedro não podia viajar nesse fim de semana e eu não conseguia levar os dois, era

Featurednutriçãopequeno almoço

Os pequenos-almoços do Zé

Acordar, espreguiçar, vestir a roupa, tomar o pequeno-almoço, lavar os dentes e sair de casa! Parece tão simples … mas pode demorar um bocadinho mais se adicionarmos uma pitada do ‘mau-feitio’ matinal do Zé Pedro! ahahNunca tem muita fome de manhã, e por vezes demorava uma eternidade ‘a mastigar’ No início deste ano escolar decidimos (sugestão minha, é claro) nos sentar, e planear os pequenos-almoços. No momento, escrevi num papel – conversámos, e depois de decidirmos –  ele colou com fita-cola numa parede da cozinha… Ficou mais fácil para mim, e mais organizado para ele!Os nossos critérios alimentares para elaborar a

golf

Zé Pedro Golf + Mãe aflita

Só quem já me acompanha há algum tempo, tem percepção do custo que foi para o Zé se ‘adaptar’ ao desporto. Hoje diria, que devemos mesmo ‘dar tempo, ao tempo’. Se calhar sempre o quis padronizar, e tentar encaixá-lo em perfis pré-estabelecidos que eu tinha!Hoje digo-vos, ADORA desporto! Adora socializar, e nem precisa assim tanto do pai ou da mãe para dar ‘a mãozinha’! Também já tem 6 anos, 6 anos e meio! Está um crescido. Aqui, em 2015, contei-vos um pouco sobre a sua primeira aula de golf. Entretanto também pratica karate, futebol, tem yoga e claro, continua a praticar

amamentaçãocrónicaFeaturedpilar

#3 Crónicas da Amamentação

Já cá faltava uma crónica da amamentação. Pois é, queria vos dizer tanta coisa boaaaa… que tinha muito mais leite, que até já tinha conseguido tirar com a bomba, e que ela já faz intervalos maiores entre refeições e até que já dorme a noite toda!!!Ahaha!Nada disso!Mas…. está muito mais tranquilo! Passando as primeiras 7/8 semanas, quando já passamos ‘por tudo’: gripe, gastroenterites, pai internado, mudanças de casa, incêndios na ilha, mudança de escola repentina do irmão mais velho… e a miúda continua bem, saudável: só significa que amamentar é isto mesmo: paciência, e deixar o tempo passar. Tenho leite,

Carta aberta

Carta aberta ao meu filho Zé Pedro

Carta aberta ao meu filho Zé Pedro:”Amo-te de paixão! Olho para ti e derretes-me toda. Sempre o fizeste, e embora estejas tão crescido, e tenhas os dentes da frente a balançar (o que me faz imensa impressão) apetece-me espremer-te tanto quanto me apetece à tua irmã que é mesmo bebé!Cresceste muito rápido depois dela ter nascido. Eras tão pequenino e passaste a ser tão grande (quase adolescente aos meus olhos), e esta ‘novidade’ lá por casa, foi como uma dança ao som de um Blues divertido (que tu tanto adoras): ora para a esquerda, ora para a direita, ora mais

FeaturedNádianutriçãoregistos

A minha vida em registo …

No outro dia a minha amiga Nádia disse-me: “Tu tens a vida em registo…”! Eu já sabia, mas de certa forma caiu-me a ficha! E daí a inspiração para este post. Eu tenho a minha vida toda registada. E não é num sentido figurativo, é real. Desde que me lembro de ter aprendido a escrever, que tenho uma agenda. Uma agenda/diário com registo de tudo o que fazia, pensava ou simplesmente queria escrever. Isto começou por volta do meu primeiro ano de escola, a primeira classe! Como podem imaginar, não sabia escrever então fazia esquemas da sala de aulas, dos colegas

biofitnessonda revitalsummertrail

O nosso Summer Fitness [Com fotos]

Confesso que sexta-feira, às 5 da tarde depois de ter ido buscar o Zé à escola, a última coisa que me apetecia era fazer malas! Estava cansada, esgotada, aborrecida, o Pedro tinha tido um dia daqueles … penso que a única pessoa que estava verdadeiramente extasiada com toda aquela agitação era o Zé Pedro! Rapidamente arranjou-se sozinho, chegando ao nosso pé numa figurinha energética que só vendo (aliás, vejam a foto) Lá fomos nós para o Lobo Marinho… ainda em modo piloto automático… aos poucos começamos a ver os nossos amigos; o grupo juntou-se no solário para uma foto de grupo antes do

ferias

Um cheirinho das minhas férias …

Já voltei de férias e quase nem conseguia escrever um post! As férias foram ma-ra-vi-lho-sas!Senti um gostinho especial, não fazíamos férias “descansadas” há 3 anos! Nos últimos 2 anos foram-nos engolidas por situações muito chatas e que não nos permitiram a leveza devida do termo “férias”. Confesso que até entrar no barco para o Porto Santo tive receio de que alguma coisa nos acontecesse, mas a partir do momento em que pusemos o pé na ilha, foi como se “o feitiço se tivesse quebrado”. Estávamos mesmo de férias!No Porto Santo tivemos paz, fizemos imenso exercício (desde golf, a trails e a acrobacias na praia), só fizemos boas